A densidade e a fragilidade do mundo: Bruno Latour e o ‘afirmacionismo’ contemporâneo

A densidade e a fragilidade do mundo: Bruno Latour e o ‘afirmacionismo’ contemporâneo

Por Benjamin Noys Tradução: Grupo de Estudos em Antropologia Crítica (GEAC) Ser um rastreador paciente de redes supõe, para Latour, a rejeição de qualquer modelo radical de mudança. Afirmar o mundo como ele é, um mundo no qual nada pode ser subtraído e nada é indispensável, dá o tom de um novo gradualismo político que … Continuar a ler